quarta-feira, 13 de maio de 2020

Os Açores vistos por Vitorino Nemésio


Em 1978, a RTP elaborou um documentário sobre o arquipélago dos Açores, com leitura em voz off de alguns textos e poemas de Vitorino Nemésio, extraídos de algumas das suas obras mais representativas: "Corsário das Ilhas", "Mau Tempo no Canal", "Bicho Harmonioso" e "Festa Redonda".

Esse documentário, o qual se apresenta em anexo, dá um generoso destaque à ilha do Pico, bem como incorpora algumas imagens que permitem recordar como era a paisagem e a vivência da ilha montanha nos finais dos anos 70.

Vale a pena recordar que, na obra 'Corsário das Ilhas', Vitorino Nemésio escreveu as seguintes palavras: “O picaroto é a nata das ilhas e, em verdade, nenhum açoriano se lhe avantaja na conceção séria da vida. De todos os açorianos, foi o picaroto que levantou a enxada mais alto e cavou mais fundo”.

Por fim, e para se poder apreciar de forma mais cómoda, foram extraídas do documentário supracitado duas imagens relativas ao Cais do Pico, as quais também incorporam este post.

Haja saúde!




Sem comentários:

Publicar um comentário

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!