sábado, 31 de agosto de 2019

Cordas 2019 — Festival de Músicas do Mundo


De 11 a 15 de setembro de 2019, a ilha do Pico recebe recebe músicos e instrumentos de corda dos quarto cantos do planeta no âmbito da quarta edição do festival "Cordas".

O pai da Bossa Nova, João Gilberto, deixou este mundo há um mês. O realizador suíço George Gachot trabalhou por vários anos para executar "Onde Está Você, João Gilberto?". O filme estreia nos Açores na programação do Festival Cordas, que além de um cartaz recheado de músicos e instrumentos de corda, apresenta um programa educativo à volta da arte dos cordofones.

Os concertos acontecem no Auditório da Madalena de 11 a 14 de setembro, pelas 21h30, e o encerramento, que convida todos os tocadores de instrumentos de corda da ilha, que desejem participar a juntarem-se, no domingo, 15 de setembro, pelas 18h na MiratecArts Galeria Costa.

Visitas às escolas, recitais ao meio-dia no Museu do Vinho, programas acústicos ao final da tarde na Gruta das Torres, improvisação na Lagoa do Capitão, uma exposição na Atlântico Teahouse e programas surpresa em vários locais, incluindo na MiratecArts Galeria Costa, preenchem o concelho da Madalena do Pico com música durante os 5 dias do festival de músicas do mundo.

Rafael Carvalho, o violeiro micaelense "guardião da viola dos dois corações", como foi chamado pelo Diário de Notícias, deu um saltinho à ilha do Pico para ajudar a lançar os planos e o cartaz da quarta edição do festival. "O Festival Cordas promove o encontro da Viola da Terra com instrumentos de várias partes do mundo, internacionalizando-a, sem ´sair da Ilha´," diz Rafael Carvalho, depois de partilhar sua música no cenário natural do Santuário dos Dragoeiros no Museu do Vinho, local favorito para concertos, incluindo Música no Museu durante o Festival Cordas.

Aqui fica o programa do "Cordas 2019", sendo que mais informações podem ser obtidas através do seguinte link: www.festivalcordas.com

Haja saúde!

Quarta 11 SET:
18h00 - Abertura da Exposição, Atlântico Teahouse: Fátima Madruga - Violas e Portugal intemporal
21h30 - Concerto de Abertura, Auditório da Madalena: Açores Canta & Remígio Pereira

Quinta 12 SET:
10h00 - Apresentação Escolar
12h30 - Museu do Vinho: Pieter Adriaans
18h00 - Gruta das Torres: Afonso Villasanti
21h30 - Auditório da Madalena: FILME "Onde está você, João Gilberto?"

Sexta 13 SET:
10h00 - Apresentação Escolar
12h30 - Museu do Vinho: Sonny Santos
18h00 - Gruta das Torres: Victor Castro
21h30 - Auditório da Madalena: Braima Galissá & Michel William
00h00 - Cella Bar, Midnight Sessions

Sábado 14 SET:
11h00 - Lagoa do Capitão
14h30 - Hora de Chá / Tea Talk, Atlântico Teahouse com Ricardo Melo
17h30 - Gare da Madalena "surpresa"
21h30 - Auditório da Madalena: Ricardo Melo com Ana Medeiros & Andrew Cronshaw
00h00 - Cella Bar, Midnight Sessions

Domingo 15 SET:
14h30 - Masterclass com Victor Castro
16h00 - Música no Lar
18h00 - Inauguração da obra de arte de Andreia Sousa (Estrada Regional, Biscoitos - Candelária)
19h00 - Encerramento na MiratecArts Galeria Costa: tod@s bem vind@s com seu instrumento de cordas... o evento termina com desgarrada e chamarrita e a Festa da Nêveda.





sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Barreiras de contenção no Porto do Cais do Pico


Ontem, 29 de agosto de 2019, o porta-contendores 'Ponta do Sol' escalou o Porto do Cais do Pico, situado na vila de São Roque do Pico. Devido a um pequeno derrame de óleo por parte deste navio, foi acionado o uso de barreiras de contenção.

Todo o processo correu de forma eficiente, servindo este acontecimento de certa forma também como um treino para uma situação mais grave que possa haver no futuro (mas que se espera que nunca aconteça).

Haja saúde!





quinta-feira, 29 de agosto de 2019

A locomotiva do renascimento


Os vinhos do Pico figuram hoje entre os mais procurados do país. A oferta fica aquém da procura e os preços acima da média apenas ajudam a valorizar aquilo que não só é um património vivo como também uma jornada de loucos.

É este o mote para um artigo intitulado "A locomotiva do renascimento", da autoria de José João Santos e que foi publicado recentemente na Revista de Vinhoslink para artigo completo.

Haja saúde!

terça-feira, 27 de agosto de 2019

Os novos (antigos) candeeiros da Rua do Cais


A frente do Cais do Pico, mais precisamente a Rua do Cais da vila de São Roque do Pico, passou a ter recentemente um novo tipo de iluminação.

Mais concretamente, as antigas luminárias amarelas foram substituídas por novos equipamentos de tecnologia LED, os quais permitem uma poupança na fatura elétrica, além de uma luz mais eficiente e clara — fotos em anexo.

No entanto, o maior destaque vai para o formato destes novos candeeiros de rua, os quais pretender imitar os existentes no início do século passado. Em particular, as diferenças visuais passam apenas pela ausência de vidro e pela altura de colocação, que agora é mais elevada por não ser preciso adicionar combustível que era necessário na época.

Haja saúde!








domingo, 25 de agosto de 2019

Assembleia da República define Novo Terminal Marítimo de Passageiros em São Roque do Pico como investimento prioritário


No âmbito do Programa Nacional de Investimentos 2030, a Resolução da Assembleia da República n.º 154/2019 (publicada em 23 de agosto) resolve recomendar ao Governo que, na próxima legislatura, na análise dos investimentos para o período 2021-2030, tenha em consideração um conjunto de propostas, entre as quais surge a seguinte: "Construção do terminal de passageiros no porto de São Roque, na Ilha do Pico".

Esta obra torna-se assim, e de forma oficial, um investimento prioritário a nível nacional, o que significa que ganha, de forma inequívoca, um elevado poder reivindicativo junto do governo central.

Dito de outra forma, esta é uma magnífica notícia para os picarotos, em particular, e para o Triângulo, em geral, pois significa que o Novo Terminal Marítimo de Passageiros em São Roque do Pico deixou de ser um anseio local, para passar a ser encarado como prioridade nacional!

Haja saúde!

sábado, 24 de agosto de 2019

Linha Verde e Linha Lilás com horário ajustado a partir de setembro


Comunicado da Atlânticoline:
Na sequência da entrada em funcionamento do novo ferry "Mestre Jaime Feijó", a Atlânticoline, S.A. irá ajustar o horário da Linha Verde, antecipando as partidas da Horta, à semelhança do que acontecia antes do acidente com o "Mestre Simão", que levou a que os horários fossem alterados para otimizar a utilização do "Gilberto Mariano", único ferry ao serviço da operação regular no último ano e meio. 
Este ajustamento, recorde-se, estava previsto para o último trimestre do ano 2019, altura em que se esperava a chegada aos Açores do novo ferry. Felizmente, e graças ao empenho de várias entidades, foi possível antecipar a chegada do "Mestre Jaime Feijó", que já se encontra a operar. 
O ajustamento do horário não foi simultâneo com a entrada em funcionamento do novo ferry uma vez que, sendo agosto o mês de maior movimento na operação de transporte marítimo, existia já um número muito elevado de títulos de transporte vendidos, o que significaria que, a alterar-se o horário, seriam afetados milhares de passageiros com bilhetes já adquiridos. Assim, a Atlânticoline optou por fazer esse ajustamento apenas a partir do dia 1 de setembro, na Linha Verde e, consequentemente, na Linha Lilás. 
Desta forma e até ao final da época alta, a Linha Verde passará a sair da Horta às 07h00, ao invés de às 09h00 (viagem da manhã) e às 18h00, ao invés de às 18h45 (viagem da tarde), fazendo escala na ilha do Pico e tendo como destino o porto das Velas, em São Jorge, em conformidade com os itinerários já definidos.
Recorde-se que no separador "Barcos" deste blog é possível encontrar os horários dos navios de passageiros que servem a ilha do Pico de forma regular, bem como os horários dos navios de mercadorias que escalam o principal porto comercial da ilha montanha.

Haja saúde!

quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Fumarolas do Piquinho do Pico


Fumarola é uma abertura na superfície da crosta da Terra, em geral situada nas proximidades de um vulcão, e que emite vapor de água e outros gases. As fumaloras são, assim, um dos vários tipos de vulcanismo secundário.

Apesar de as fumarolas serem muito conhecidas por outras paragens açorianas, elas também ocorrem na ilha montanha. Mais precisamente, no topo da montanha do Pico (Piquinho) existe uma área de desgaseificação permanente caracterizada pela emissão de vapor de água a uma temperatura que se situa entre os 50 e os 75°C. Este fenómeno dá origem à formação de uma coluna de vapor que, por vezes, em determinadas condições meteorológicas e em especial às primeiras horas da manhã, se torna particularmente intensa, sendo bem visível a partir de vários pontos do Pico, assim como da ilha Faial.

Estando o Vulcão do Pico em constante monitorização por diversas redes de observação do CIVISA, as fumarolas do Piquinho não devem ser vistas como sinal de perigo, mas sim como um belo fenómeno de vulcanismo secundário, o mais alto de Portugal, que vale a pena apreciar, tal como as imagens em anexo comprovam.

Haja saúde!

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

À descoberta do Triângulo dos Açores


Apresenta-se, em anexo, uma reportagem da SIC intitulada "Descobrir os Açores", onde o foco são as três ilhas do Triângulo: Pico, São Jorge e Faial.

Haja saúde!

terça-feira, 20 de agosto de 2019

Pico é onde mais se produz Carne dos Açores


A Carne dos Açores IGP é proveniente das carcaças de bovinos nascidos, criados e abatidos na Região Autónoma dos Açores, segundo os moldes tradicionais. Este é, assim, um produto certificado e de excelência, pois trata-se de uma carne tenra, de cor rosada, com ligeira infiltração de gordura a nível intramuscular, grande suculência, textura macia, detentora de um aroma e sabor característicos, próprios e inerente ao modo de produção tradicional, nomeadamente à forma de pastoreio e ao tipo de alimentação.

Em concreto, as crias alimentam-se de leite materno pelo menos até cerca dos 3 meses. A partir desta idade é fornecida uma alimentação tradicional, constituída com erva das pastagens naturais ou melhoradas. Até à idade em que são abatidos, os animais são alimentados com pastagens, sendo muitas vezes complementada a sua alimentação com silagens e fenos obtidos nas próprias pastagens e com concentrados energéticos e proteicos.

Embora a área geográfica de produção da Carne dos Açores IGP compreenda todas as ilhas dos Açores, é na ilha montanha que se regista a maior produção desta carne certificada: em 2018, cerca de metade da Carne dos Açores IGP foi proveniente do Pico, mas se forem considerados os últimos cinco anos, então este valor ascende aos 59%.



Por tudo isto, o Pico pode ser considerado o centro da excelência da carne açoriana, provando uma vez mais que, à semelhança do vinho proveniente da ilha montanha, a dedicação secular do picaroto em conseguir extrair sustento de uma paisagem que, à primeira vista, parecia inóspita, dá origem a produtos únicos no mundo.

Haja saúde!

Post scriptum: Este artigo foi igualmente publicado na edição n.º 41.951 do 'Diário dos Açores', de 21 de agosto de 2019.

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Prelúdios da Semana dos Baleeiros em 1984 (vídeo)


Na semana em que tem início a edição de 2019 da 'Semana dos Baleeiros', aqui fica um vídeo [em anexo] que representa uma viagem no tempo aos prelúdios desta festa no ano de 1984.

Para além das festividades, este registo vídeo permite também recordar, para além da Vila das Lajes do Pico, como era o lugar da Silveira.

Haja saúde!

Post scriptum: Adicionado vídeo relacionado sobre a procissão em honra de Nossa Senhora de Lurdes.



domingo, 18 de agosto de 2019

Museu do Pico homenageia Manuel Serpa, o "Comendador do Povo"


A Direção Regional da Cultura, através do Museu do Pico, promove, a 21 de agosto, pelas 20h00, no Museu dos Baleeiros, nas Lajes do Pico, a realização de uma homenagem a Manuel Goulart Serpa, tendo como tema "Manuel Serpa: O Comendador do Povo".

Com esta sessão pública, o Museu do Pico pretende reconhecer o trabalho solidário e humanista que o picoense Manuel Serpa desenvolveu ao longo da vida, ao serviço do progresso social e cultural da sua ilha e da Região, revisitando e celebrando a sua obra de incondicional e apaixonada relação com a ilha, a sua história, as suas memórias e as suas gentes.

Formado em Teologia, Manuel Serpa exerceu funções eclesiásticas durante 12 anos, foi professor ao longo de três décadas, bem como deputado à Assembleia Legislativa Regional dos Açores, de 1984 a 2000.

Colaborou com inúmeras organizações, sociedades e coletividades e apoiou centenas de eventos sociais e culturais na sua ilha, nos Açores, no país e na diáspora.

[Fonte: GaCS]

Haja saúde!

sábado, 17 de agosto de 2019

Magnífico vídeo de promoção do Pico (e feito por turistas!)


O vídeo que se segue poderia ter sido feito por uma qualquer agência de publicidade, com o intuito de promover a ilha montanha... Contudo, a sua autoria é de Zsuzsi Ilycsin e Ilycsin László, um casal de Budapeste que veio passar uns dias ao Pico, tendo decido partilhar um pouco das suas férias neste vídeo — ele conta com magníficas imagens aéreas, bem como de outras atividades que a ilha montanha tem para oferecer, nomeadamente aventuras por trilhos pedestres e whale watching.

Notando que, por um lado, uma imagem vale mais do que mil palavras, enquanto que, por outro, a publicidade de boca-a-boca é um dos tipos mais credíveis de promoção, este casal de turistas húngaros conseguiu verdadeiramente a proeza de promover o Pico de forma única e magnífica!

Haja saúde!

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Aeroporto do Pico reentra na lista dos aeroportos mais movimentados do mundo


A OAG, a maior base de dados de voos do mundo, tem disponível análises estatísticas sobre os aeroportos mais movimentados do mundo. E é aqui que, considerando o mês de julho de 2019à semelhança do ano passado, o Aeroporto da ilha do Pico é mencionado, reentrando assim e oficialmente para o top mundial dos aeroportos mais movimentados!

É de salientar que, no mês de julho em questão, o aeroporto do Pico não só teve de horário 35 voos semanais (um número recorde), bem como recebeu inúmeros voos de reforço.

O resultado deste crescimento do movimento aéreo na ilha montanha está agora à vista, com a reentrada no top mundial dos aeroportos mais movimentados.

Resumindo, os números não enganam: o Pico está na moda!

Haja saúde!

Adenda: No mundo há cerca de 17 mil aeroportos (isto é, que recebem voos comerciais); a OAG publica estatísticas apenas para os 1200 aeroportos mais movimentados; daqui resulta que o Pico, em julho de 2019, reentrou para a lista do top 7% dos aeroportos mais movimentados a nível mundial!

Post scriptum: No mês de agosto de 2019, o Aeroporto da ilha do Pico manteve-se na lista dos aeroportos mais movimentados do mundo.

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

'Mestre Jaime Feijó' @ Cais do Pico (13/08/2019)


Aqui fica o registo fotográfico da primeira escala no Porto do Cais do Pico por parte do novo ferry da Atlânticoline 'Mestre Jaime Feijó', a qual teve lugar no dia 13 de agosto de 2019, por volta das 11h.

Nota ainda para a curiosidade de esta estreia em São Roque do Pico ter sido antecipada algumas horas devido ao elevado número de passageiros que pretendia ir da ilha montanha para São Jorge, comprovando-se assim, e uma vez mais, a importância do Porto do Cais do Pico, em especial no contexto do Triângulo.

Haja saúde!










quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Festas do Padroeiro São Roque 2019


Aqui fica o cartaz com o programa das Festas do Padroeiro São Roque 2019, que decorrem na vila de São Roque do Pico entre 15 e 17 de agosto.

Haja saúde!


terça-feira, 13 de agosto de 2019

Ficar a ver navios no Porto do Cais do Pico


O Porto do Cais do Pico, localizado na vila de São Roque do Pico, tem registado nos últimos dias uma situação curiosa: mal sai um navio de passageiros, entra logo outro!

Concretizando com um exemplo, e tal como comprova a imagem em anexo (datada de 11 de agosto de 2019), quando o ferry 'Mega Jet' (afeto à Linha Amarela da Atlânticoline) estava a sair do principal porto comercial da ilha montanha, o ferry 'Gilberto Mariano' (em serviço na Linha Verde) já se preparava para atracar (tudo isto sob a "supervisão" do barco dos pilotos 'Álvaro de Ornelas'). Esta não tem sido uma situação esporádica, mas sim recorrente; aliás, acontecimentos idênticos já foram diversas vezes relatados em anos anteriores.

Alguns poderiam pensar que esta situação é apenas fruto do acaso; no entanto, a verdade é que estão reunidas várias circunstâncias para que o entra e sai no Porto do Cais do Pico seja recorrente, pois sabiam que:
Posto isto, fica clara a importância do Porto do Cais do Pico no contexto açoriano, não apenas para a entrada e saída de mercadorias na ilha montanha, mas também no que concerne ao movimento marítimo de passageiros.

Contudo, existe uma outra curiosidade digna de registo: dos sete portos açorianos mais movimentados em termos de passageiros totais (a saber: Madalena, Velas, Horta, Praia da Vitória, Ponta Delgada e Vila do Porto, para além do Cais do Pico), a infraestrutura localizada em São Roque do Pico é a única que não permite uma operação em simultâneo de navios de carga e navios de passageiros!

Por tudo isto, fica mais do que justificado o investimento há muito prometido e que (finalmente) se avizinha: um novo Terminal de Passageiros em São Roque do Pico, incluindo a ampliação do porto comercial, de modo a possibilitar a operação em simultâneo da atividade de carga e de passageiros, bem como dotar o espaço de melhores condições para estes últimos, para além de (esperemos) reduzir o número de cancelamentos dos navios da Atlânticoline (sendo que muitos deles ocorreram em circunstâncias difíceis de compreender para os passageiros).

Até lá, resta-nos continuar, no Porto do Cais do Pico, a... ficar a ver navios!

Haja saúde!

Post scriptum: Este artigo foi igualmente publicado na edição n.º 41.946 do 'Diário dos Açores', de 14 de agosto de 2019, bem como na edição n.º 798 do 'Jornal do Pico', de 23 de agosto de 2019.

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Blog "Cais do Pico" entra para o top 50 dos mais lidos de Portugal


O diretório "Blogs Portugal" [blogsportugal.com] pretende ser a mais completa lista de blogs portugueses. Nesta plataforma estão atualmente registados milhares de blogs, os quais se distribuem por várias categorias (Negócios e Finanças, Tecnologia / Gadgets, Política / Sociedade, etc.).

Por outro lado, o "Blogs Portugal" mede a audiência dos blogs, o que lhe permite apresentar um ranking da blogosfera portuguesa. Graças a esta estatística providenciada pelo maior diretório de blogs de Portugal, é possível avaliar o desempenho do blog "Cais do Pico" no contexto nacional.

Pois bem, se já foi totalmente inesperado, mas com um sentimento de muita satisfação, quando, em outubro de 2017, o blog "Cais do Pico" integrou o top 100 dos blogs mais lidos de Portugal, o regozijo é ainda maior (bem como a estupefação, confesso) por saber que, em agosto de 2019, o blog "Cais do Pico" não só passou a integrar o top 50 dos blogs mais lidos de Portugal, mas também manteve-se como líder destacado na sua categoria — Cidade / Local.



Este é um momento simbólico mas que deixa uma marca ímpar no historial do blog "Cais do Pico", para além de uma fantástica sensação pessoal de muita alegria :)

Por outro lado, recordando que o tempo, esforço e dedicação aqui despendidos têm como objetivo escrever sobre um pouco de tudo relacionado com a ilha montanha, sendo dado destaque à zona do Cais do Pico, à vila e ao concelho de São Roque do Pico, ou seja, o foco deste blog é sobre um dos locais menos populosos e mais remotos de Portugal, este feito agora alcançado prova que um sítio, por vezes, só é pequeno na imaginação e não na prática!

Por fim, o meu muito obrigado a todos os visitantes do blog "Cais do Pico", especialmente àqueles que o seguem fielmente e a todas as pessoas que têm ajudado a divulgar o mesmo — esta comemoração não só também é vossa, bem como a mesma não seria possível sem o vosso contributo!

Haja saúde!

sexta-feira, 9 de agosto de 2019

Aterragem crepuscular de um A320 no Pico (e outros vídeos do movimentos aéreo noturno)


O dia de ontem, 8 de agosto de 2019, entrou para a história do Aeroporto da ilha do Pico, pois nele teve lugar a primeira aterragem de um Airbus A320 após a hora do pôr-do-sol [registo vídeo em anexo].

Mais concretamente, cerca de 10 minutos após o início do crepúsculo vespertino (havendo ainda luz natural), chegou à ilha montanha o voo da Azores Airlines S4 143, proveniente de Lisboa e que se encontrava com cerca de 4h30 de atraso (devido a efeito dominó de tetos baixos em Lisboa da parte da manhã).

Enquanto esta aeronave fazia a rotação no Pico, teve lugar uma descolagem de um voo interilhas com destino à ilha de São Miguel [também registado no vídeo em anexo].

Por fim, e já quando não havia luz natural, o Airbus A320 descolou em direção à capital portuguesa, dando assim origem a um movimento noturno da Azores Airlines no aeroporto do Pico [registo vídeo em anexo].

Haja saúde!

Post scriptum: Esta notícia também mereceu destaque no Kiosque da Aviação.