terça-feira, 25 de junho de 2019

Festa de São João 2019 no Cais do Pico


A noite de 23 para 24 junho também é sinónimo de ser a noite de São João, havendo, por isso, lugar a festa no adro do Convento de São Pedro de Alcântara (junto à Árvore do Desejo), situado no Cais do Pico, vila de São Roque do Pico.

Aqui ficam algumas fotos da festa de 2019, com os tradicionais comes e bebes e uma quermesse acompanhando um concerto pela Filarmónica Liberdade do Cais do Pico, uma fogueira e um balão de São João.

Haja saúde!



























segunda-feira, 24 de junho de 2019

Torneio de Futebol Salão dos Bombeiros 2019


Esta semana tem início mais uma edição do Torneio de Futebol Salão que se disputa no campo polidesportivo dos Bombeiros Voluntários de São Roque do Pico.

Até meado de julho de 2019, às segundas, quartas e sextas-feiras, começando pelas 20h30, várias equipas irão participar numa competição que, pelo seu historial e tradição, já marcou várias gerações e faz parte integrante das noites de verão do Cais do Pico, em particular, e da ilha montanha, em geral.

Haja saúde!

domingo, 23 de junho de 2019

Eis o que é preciso para subir o Pico: força de vontade!


Jan poderia ser apenas mais uma pessoa que decidiu subir a montanha da ilha do Pico, mas não é...

Jan é alguém que, mesmo com mobilidade reduzida e a necessitar de usar canadianas, conseguiu subir ao ponto mais alto de Portugal!

Com este feito, Jan responde verdadeiramente à questão que muitos colocam: o que é preciso para subir o Pico? Mais do que qualquer outra coisa, é preciso força de vontade!

Haja saúde!



sábado, 22 de junho de 2019

Triângulo unido em defesa de melhores ligações aéreas


Recentemente foram canceladas alguns voos entre Lisboa e as ilhas do Pico e do Faial, os quais não se deveram às condições meteorológicas, mas sim a razões técnicas e operacionais, como seja a falta de pilotos na SATA/Azores Airlines.

Toda esta situação gerou um elevado descontentamento, sobretudo na ilha montanha e na ilha azul, pois estes cancelamentos tiveram (e ainda têm) um enorme impacto no turismo, com efeitos diretos no Triângulo (São Jorge, Pico e Faial) e com potencial para denegrir a imagem turística de toda a Região.

Numa iniciativa inédita, associações empresariais e grupos de cidadãos destas três ilhas — a Associação de Turismo Sustentável do Faial, a Associação Comercial Industrial da Ilha do Pico, o grupo Aeroporto da Horta, o grupo Aeroporto do Pico, a Câmara de Comércio e Indústria da Horta e o Núcleo Empresarial da Ilha de São Jorge — uniram-se em torno da defesa de melhores acessibilidade aéreas e solicitaram uma reunião conjunta com o Governo Regional dos Açores (nomeadamente com o Presidente e com a Secretária Regional dos Transportes e Obras Públicas), a fim de discutir soluções para os atuais problemas das ligações aéreas com as gateways do Triângulo. A reunião está confirmada pelo executivo e terá lugar no dia 26 de junho de 2019, pelas 17h30, na cidade da Horta, ilha do Faial.

As soluções propostas, bem como os resultados da reunião conjunta, serão divulgados em devido tempo.

Haja saúde!



sexta-feira, 21 de junho de 2019

Patrocínio do Pico com Patrocínio no Pico


Carolina Patrocínio, famosa apresentadora da televisão portuguesa, decidiu vir com a família passar uns dias de férias aos Açores, mais concretamente à ilha do Pico.

A estadia na ilha montanha tem sido caracterizada pela partilha nas redes sociais de várias imagens magníficas do que a ilha montanha tem para oferecer, como seja um bom banho de mar na Piscina do Cais do Pico, zona balnear de excelência e galardoada com Bandeira Azul.

Dizem que imagens valem mais do que mil palavras, mas Carolina conseguiu ir mais além e verdadeiramente honrou o seu nome: gerou um fantástico patrocínio do Pico!

Haja saúde!


Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Carolina Patrocínio (@carolinapatrocinio) a

quinta-feira, 20 de junho de 2019

Apresentação do livro Nascemos Frágeis e Recebemos Ordens para Sermos Fortes, de João Carlos Melo, no Museu do Pico


O Museu do Pico apresenta, no próximo dia 21 de junho, no Auditório do Museu dos Baleeiros, nas Lajes do Pico, o livro Nascemos Frágeis e Recebemos Ordens para Sermos Fortes, de João Carlos Melo. Neste livro, o autor dá-nos um olhar sobre o narcisismo e a autoestima.

João Carlos Melo, natural da ilha de S. Miguel, é médico psiquiatra, grupanalista e membro titular didata da Sociedade Portuguesa de Grupanálise e Psicoterapia Analítica de Grupo (SPGPAG), full member da Group-Analytic Society International (GASI) e Assistente Graduado do Hospital Fernando Fonseca, onde exerce as funções de coordenador do Hospital de Dia do Serviço de Psiquiatria.

Sinopse
«Nascemos Frágeis e Recebemos Ordens para Sermos Fortes oferece-nos um olhar esclarecedor, lúcido e descomplexado sobre a autoestima, da sua manifestação saudável e o excesso do amor-próprio, da vaidade à confiança plena, das nossas origens de mamífero cooperante à sociedade sofisticada e digital dos dias de hoje.»

A apresentação do livro está prevista para as 21h30, sendo a entrada gratuita.

Haja saúde!

quarta-feira, 19 de junho de 2019

Construção do navio "Mestre Jaime Feijó"


Apresenta-se, em anexo, um novo vídeo da construção em curso do navio "Mestre Jaime Feijó" para a Atlânticoline, o qual irá substituir o ferry "Mestre Simão".

Prevê-se que este navio esteja em serviço nos Açores no último trimestre de 2019.

Recorde-se que, em janeiro de 2018, o navio "Mestre Simão" encalhou dentro da bacia do Porto da Madalena, isto quando estava prestes a atracar na ilha do Pico, ficando inutilizado e, consequentemente, foi desmantelado — link para mais informações.

Haja saúde!

terça-feira, 18 de junho de 2019

Teatro "Boca Ilha" estreia no Pico


De uma ideia original de Carolina Bettencourt, com encenação de Nuno Nunes e interpretação pela própria Carolina com Miguel Curiel, a peça teatral "Boca Ilha - O Rosto Que Ninguém Vê" estreia na ilha do Pico depois de ter passado por São Miguel e Terceira. O evento especial enquadra-se no Azores Fringe - festival internacional de artes nos Açores, quinta-feira 20 de junho, pelas 21h30 no Auditório da Madalena. A entrada é livre, sem bilhetes e as portas abrem 30 minutos antes do espetáculo.

"O que acontece quando duas palavras se combinam? Ou quando um poema sucede a outro? Ou dois atores se debatem entre si? Em que sítio encontramos o poeta que vive nas palavras que nos legou? Partimos do universo de Natália Correia como quem descreve a sua silhueta para, a seguir, reclamar uma existência tangível. Intrometemos Alberto Caeiro, Cesariny, Ary dos Santos, Mário de Sá Carneiro e outros para iluminar “O Rosto Que Ninguém Vê”: são diálogos, são confrontos, são confirmações em torno de temas como a identidade, a relação com a morte, a memória de infância, o espaço geográfico e poético da ilha, o ativismo político, a vivência da religião e do casamento, o sentimento do outro e de si mesmo como outro… E os dois atores que disputam os seus papéis, num feminino-masculino intranquilo e carente, configuram, por seu lado, esse território teatral cercado pela iminência do esquecimento."

A partir do universo poético da escritora açoriana Natália Correia, este espetáculo de teatro foi vencedor do Jovens Criadores do Clube Português de Artes e Ideias. O título do espectáculo, “BOCA ILHA”, representa o primeiro impulso de trazer a ilha na boca, falando-a, e de ter a boca na ilha, escrevendo-a.

A ideia original partiu da micaelense Carolina Bettencourt, descendente de famílias da ilha do Pico. Mestre em Artes Performativas -Interpretação- e Licenciada em Teatro -Dramaturgia- na Escola Superior de Teatro e Cinema. Iniciou a sua formação com o curso profissional de Interpretação pela Academia Contemporânea do Espectáculo, do Porto. Agora, volta à ilha com sua primeira grande produção teatral, acompanhada por colegas profissionais que através do teatro começam a conhecer os Açores.

Haja saúde!

segunda-feira, 17 de junho de 2019

Aterragem com circling na ilha do Pico (vídeo)


No passado dia 8 de junho de 2019, o voo Lisboa - Pico proporcionou a quem ia a bordo uma magnífica visão sobre grande parte da costa norte da ilha montanha. Mais concretamente, o avião efetuou uma aproximação com circling, ou seja, teve uma primeira aproximação por instrumentos a uma das pistas (27) e depois, ao invés de concluir este procedimento, iniciou uma aproximação visual à pista contrária (09) contornando o Aeroporto da ilha do Pico — assim, os passageiros foram contemplados com vistas privilegiadas desde São Roque do Pico até à Madalena.

De forma a poder partilhar parte das paisagens observadas, aqui fica então um vídeo (filmado a partir do interior da aeronave A320) da aproximação e aterragem deste voo S4 141.

Recorde-se que todos horários dos aviões que servem a ilha do Pico de forma regular encontram-se disponíveis no separador "Aviões" deste blog.

Haja saúde!


domingo, 16 de junho de 2019

Espírito Santo — Exposição Virtual


Em dia de Domingo da Trindade, aqui fica o link para uma exposição virtual sobre o culto ao Divino Espírito Santo nos Açores:


Esta é uma exposição coordenada e realizada pela Rede de Museus e Coleções Visitáveis dos Açores, a partir de peças dos acervos dos diversos membros da Rede (ou seja, integra numa só plataforma peças que estão espalhadas por várias ilhas açorianas).

Haja saúde!