quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Pico no centro da excelência dos produtos açorianos


O arquipélago dos Açores é reconhecido a nível nacional pela elevada qualidade de vários produtos alimentares aqui produzidos, nomeadamente fruta, mel, queijo, carne e vinho, entre outros. Quem visita as ilhas açorianas não só tem a oportunidade de apreciar a natureza em estado puro, mas também consegue embarcar numa fantástica viagem gastronómica.

Por outro lado, fora do arquipélago também é possível adquirir alguns destes produtos. Por exemplo, a Makro Portugal, líder na distribuição grossista, anunciou recentemente o início do processo de comercialização de Carne dos Açores com certificação IGP, disponibilizando carne fresca de Novilho e Vitelão 'Prado Atlântico'. Esta marca de Carne dos Açores resulta da valorização feita pela Cooperativa Verde Atlântico, com sede na ilha do Pico, ao embalar, na Região, a carne em vácuo, garantindo assim a sua qualidade IGP, isto é, que a carne é nascida, criada e abatida no arquipélago dos Açores, segundo um método tradicional e de produção 100% natural.

O vinho açoriano é outro produto que já vai sendo encontrado um pouco por todo o território nacional. Também neste âmbito a ilha montanha desempenha um papel central: é no Pico que se localiza a esmagadora área de vinha açoriana e respetiva produção, cujos vinhos, muitos deles produzidos em plena paisagem património mundial, têm merecido destaques nacionais e internacionais. Além disso, e como prova de que a excelência pode ser não só produzida, mas também comprovada na Região, o Laboratório Regional de Enologia, localizado na ilha montanha, vai passar a realizar análises às amostras de vinho candidatos à certificação — este é um sinal de afirmação e de reconhecimento de que é possível poupar tempo e dinheiro em certificações através do investimento em zonas mais longínquas dos grandes centros de decisão.

Esta associação entre a ilha do Pico e a qualidade dos produtos alimentares açorianos não é um mero acaso: é fruto da dedicação secular do picaroto em conseguir extrair sustento de uma paisagem que, à primeira vista, parecia inóspita, dando assim origem a produtos únicos no mundo. E os exemplos não se ficam pela carne e pelo vinho: o Queijo do Pico integra a lista dos melhores queijos de Portugal, bem como o Mel do Pico é reconhecido a nível nacional.

Em suma, o Pico está no centro da excelência dos produtos açorianos e isso merece ser reconhecido.

Haja saúde!

Sem comentários:

Publicar um comentário

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!