quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

Uma manteiga de sonho (mas não só)


O 'Diário de Notícias', prestigiado jornal português, publicou recentemente um artigo intitulado "Açores e derivados: dois inefáveis queijos e uma manteiga de sonho", o qual faz um enorme destaque a dois produtos produzidos na ilha montanha: o queijo 'Ilha dos Mistérios' e a manteiga 'Rainha do Pico'.

Enquanto o primeiro produto tem estado na ribalta nos últimos tempos, nomeadamente por um chef dono de uma estrela Michelin ter afirmado que "é como se fosse um camembert português; é incrível, extraordinário!", bem como este mesmo queijo venceu um prémio nacional, a manteiga ganha agora o merecido reconhecimento público da crítica — note-se que apesar de o destaque noticioso chegar agora, esta manteiga já era usada em inúmeros restaurantes de renome.

Em concreto, a notícia supracitada refere o seguinte:
A manteiga Rainha do Pico (3,95 euros 250g, 6,90 euros 500g) nasce da paixão pela diferença e também pelo sabor maravilhoso que se conseguiu atingir. Tudo é feito ainda como antigamente, a própria batedeira tem 65 anos e remonta aos tempos da Martins & Rebelo. Repousa 24 horas em maceração e depois é sujeita às manipulações de frio que lhe vão ditar longevidade e estabilidade. Tudo longe dos cenários industriais que hoje encontramos.

Esta é mais uma prova de como a inclusão de produtos do Pico no atlas mundial da alimentação não foi um acaso, mas sim o reconhecimento do que os picarotos sempre souberam: que têm dos melhores produtos do mundo!

Haja saúde! 


Sem comentários:

Publicar um comentário

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!