quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Pico em destaque no 'The New York Times'


O prestigiado jornal norte-americano 'The New York Times' decidiu dar a conhecer aos seus leitores alguns dos sabores icónicos dos Açores, nomeadamente café, queijo, vinho e chá. A resiliência e reinvenção dos açorianos são também enaltecidos, de forma a demonstrar como um povo a viver em ilhas remotas no meio do Atlântico conseguiu sobreviver a vulcões, terramotos e furacões, criando uma verdadeira experiência açoriana que se orgulham de partilhar com quem os visita.

No artigo entitulado "In the Azores, the Menu includes Coffee, Tea and Tradition — there’s Wine and Cheese too, in these remote Islands in the Atlantic Ocean", a ilha do Pico merece um enorme destaque pela sua tradição vitivinícola; por exemplo, um dos parágrafos resume muito bem a mestria do picaroto em fazer vinho a partir de terreno inóspito:
Ao invés de serem prejudicados por uma superabundância de rocha vulcânica, os açorianos usaram-nas em proveito próprio. As paredes de basalto negro protegem as vinhas do vento e da água do mar e mantêm-nas aquecidas com o calor retido do sol.
Este é mais um reconhecimento da vinha e do vinho do Pico, sendo que a primeira é hoje Património Mundial da Humanidade e o segundo mantém a qualidade do produto que chegou à mesa do Papa e às cortes europeias, com destaque para os Czares da Rússia.

Haja saúde!

Sem comentários:

Publicar um comentário

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!