quinta-feira, 30 de abril de 2020

Adjudicada requalificação da Praceta dos Baleeiros


A Câmara Municipal de São Roque do Pico aprovou no passado dia 23 de abril de 2020, por unanimidade, adjudicar à empresa Tecnovia-Açores a empreitada de requalificação da Praceta dos Baleeiros, no Cais do Pico, pelo valor de 233.900 euros, acrescidos de IVA à taxa legal em vigor.

Com um prazo de execução de cinco meses, a empreitada é suportada em 85 por cento por fundos do Programa Operacional Açores 2020, no âmbito do PIRUS, sendo os restantes 15 por cento da responsabilidade do Município.

A empreitada deverá avançar no final do verão para evitar obras num local de excelência que é muito procurado na época alta, atendendo a que a Praceta dos Baleeiros concentra inúmeras atividades, com destaque para o Festival Cais Agosto.

O Presidente da Câmara Municipal de São Roque, Mark Silveira, admite, no entanto, a possibilidade de alterações ao que está programado, mais concretamente a antecipação das obras, em resultado da atual situação que se vive e da ainda indefinida possibilidade ou não de realização do Festival: “Estão reunidas todas as condições para o início das obras, no entanto, decidimos adiar o arranque da empreitada para depois do verão, evitando-se, assim, prejudicar as centenas de visitantes que em situação normal passam pela Praceta dos Baleeiros na época alta de turismo. Uma opção que pode ser alterada caso surjam modificações ao que está planeado para o Cais Agosto”.

A intervenção assenta essencialmente na requalificação de pavimentos, nomeadamente na cobertura do pavimento com um tapete betuminoso de cor avermelhada, salvaguardando-se o lajeado de pedra remanescente do antigo pátio de desmancha; adicionalmente, a plataforma contígua aos balneários será pavimentada com um deck a imitar madeira. Serão ainda construídos novos muros ao longo da plataforma contígua aos balneários e junto à estátua do Velho Baleeiro, bem como haverá um reforço dos muros laterais da antiga rampa de varagem das baleias. O projeto inclui igualmente a construção de passeios e a recuperação e replicação dos antigos candeeiros de betão existentes na zona.

Aproveitando as obras no pavimento, está projetada a implementação de tubagens para água e eletricidade para servir as instalações provisórias utilizada no Cais Agosto.

[Fonte: CMSRP]

Haja saúde!



Sem comentários:

Publicar um comentário

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!