quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Plano Anual Regional para 2014

O Plano Anual Regional para 2014 contempla os vários investimentos públicos e acções que estão previstos nos Açores para 2014.

No caso da ilha do Pico, os destaques vão para:
  • Porto de São Roque do Pico: Fecho das empreitadas de reforço da cabeça do molhe norte do porto comercial; reperfilamento do manto de proteção do molhe‐cais; construção da rampa ro-ro e obras complementares; reabilitação e adaptação de infra-estruturas; execução da rede de abastecimento de águas e do sistema de proteção contra incêndios do porto; aquisição de equipamentos de forma a permitir melhoria da qualidade de serviço e eficiência operacional; desenvolvimento do estudo e projecto do novo terminal de passageiros do porto de São Roque do Pico.
  • Porto da Madalena: Conclusão da construção das infra-estruturas portuárias e do novo terminal de passageiros do porto da Madalena.
  • Aeroporto da ilha do Pico: Sistema de manutenção do equipamento ILS/DME; restabelecimento da STRIP da cabeceira da pista 09 do aeroporto e a empreitada de arranjos exteriores do armazém de material de placa; aquisição de equipamentos visando aumentar os níveis de segurança operacional; classificação ACN/PCN da pista.
  • Escola Básica 2,3/Secundária das Lajes do Pico: Construção de um novo edifício escolar para cumprir a Carta Escolar e melhorar o sucesso escolar e combater o abandono precoce.
  • Centro de Saúde da Madalena: Conclusão da empreitada do novo Centro de Saúde da Madalena.
  • Casa dos Vulcões: Empreitada de construção do centro de interpretação da Casa dos Vulcões no Pico.
  • Museu do Pico ‐ Museu dos Baleeiros (Lajes): Empreitada de ampliação do Museu dos Baleeiros (auditório).
  • Museu do Pico ‐ Museu do Vinho (Madalena): Ampliação do Museu do Vinho.
  • Lar de idosos da Piedade: Ampliação do Lar de idosos da Piedade.
  • Lugar do Cais do Mourato: Contrato ARAAL com a Câmara Municipal da Madalena para electrificação do lugar do Cais do Mourato.
Outras acções que estão contempladas mas que não apresentam muitos detalhes são:
  • Apoio à reconstrução das igrejas e estruturas pastorais afectadas pelo sismo de 9 de julho de 1998.
  • Beneficiação, pavimentação, manutenção e requalificação de estradas regionais.
  • Execução de diversas intervenções de proteção da orla costeira.
  • Gestão da Paisagem da Cultura da Vinha do Pico - regime de apoio à correção de dissonâncias arquitectónicas.
  • Sistemas de incentivos à manutenção e reabilitação da Cultura Tradicional da Vinha do Pico em currais.
Por fim, há que salientar um ponto inscrito no plano que merece um carinho muito especial para todos os picarotos que andaram e/ou ouviram histórias da mesma: Projeto de recuperação da Lancha Espalamaca!
Haja saúde!

Sem comentários:

Publicar um comentário

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!