segunda-feira, 6 de abril de 2015

Definindo SATA no voo Lisboa-Pico-Lisboa de 4 de abril de 2015

A empresa SATA (Serviço Açoriano de Transportes Aéreos) recentemente assumiu as novas Obrigações de Serviço Público nas ligações aéreas entre os Açores e o Continente, o que significa que os voos Lisboa-Pico-Lisboa passaram a ser efetuados pela SATA (Servir Aqueles que a TAP Abandonou).

O passado sábado, dia 4 de abril de 2015, afigurava-se então como o primeiro sábado em que seria a companha aérea açoriana a realizar a ligação aérea entre a capital portuguesa e a ilha montanha. No aeroporto de Lisboa alguém exclamou:
- SATA (Será que Afinal Teremos Aeronave)!?
E um companheiro de viagem prontamente afirmou:
- É SATA (Sim, Acertaste, Teremos Atraso)!

A partida estava prevista às 15h15, mas eis que entretanto comunicam:
- Senhores passageiros, lamentamos informar mas o voo S4 4043 da companhia SATA (Só Alteram o Trajeto Agendado) terá que efetuar uma escala em Ponta Delgada e só depois irá ao Pico.

As pessoas começaram a ficar desconfiadas se chegariam ao Pico nesse sábado... Embarcaram e o avião lá levantou às 17h47, mas mais uma vez algo não batia certo: o avião era maior do que o esperado Airbus A320; os passageiros estavam era dentro de um Airbus A310, o qual não aterra no Pico... Foi então que lhes foi dito:
- Senhores passageiros, informamos que em Ponta Delgada teremos que mudar para outro avião SATA (Segunda Alteração Torna-se Atual).
No instante imediatamente seguinte, alguém esboça um pensamento em voz alta:
- Os passageiros têm garantido esta qualidade SATA (Sempre a Aumentar a Total Atrapalhação)!

Na chegada à ilha de São Miguel, as pessoas são confrontadas com novas informações: ao invés de irem todos num avião A320, terão que ir dois aviões Bombardier Q400 ao Pico, ou melhor, será o mesmo que irá duas vezes de seguida! Assim, lá parte o primeiro com destino à ilha montanha...

Entretanto, no aeroporto da ilha do Pico, quem pretendia ir para Lisboa desespera e interroga os funcionários:
- Hoje há SATA (Será que Ainda Temos Avião)?
De repente, a resposta surge primeiro sob a forma de ruído e depois vem a confirmação visual:


São 21h58, bastante mais tarde do que o horário previsto de chegada das 16h55, quando finalmente chegam as primeiras pessoas ao Pico, sendo que uma delas efetuou logo uma chamada no telemóvel e informou os familiares:
- Chegou a SATA (Suspiro de Alívio, Terminou a Aventura)!

Seguindo a ordem cronológica dos acontecimentos, lá embarcaram os passageiros com destino a Lisboa via Ponta Delgada; partiram do Pico às 22h45, também num horário significativamente mais tardio do que as 17h40 previstas...

Às 00h50 aterra no Pico outra SATA (Segundo Avião Trazendo Alguém), com a companhia aérea açoriana a dar argumentos para justificar o nome de "ilha do futuro": saíram pessoas de Lisboa no sábado e só chegaram à ilha montanha na madrugada de domingo!

E os passageiros com destino a Lisboa, onde param no meio disto tudo? Ora bem, chegaram a São Miguel no Q400, trocaram para um A320 e os pilotos lá efetuaram um voo SATA (Sempre Até às Três Acordados) em direção à capital. Resumindo, às 3h da manhã lá chegaram a Lisboa, quando estava previsto chegarem às 22h05, comprovando mais uma vez que estatisticamente o Pico é a ilha dos Açores onde partindo dela se chega mais tarde a Lisboa!

Existe uma frase sábia que diz "não há uma segunda oportunidade para causar uma boa primeira impressão" e este voo provou-o, sobretudo para as pessoas que vieram conhecer a ilha do Pico, as quais agora dizem que viajaram num voo SATA (Simplesmente Acabou com Turistas Aborrecidos)!

Haja saúde!

Outros links:

video

Sem comentários:

Enviar um comentário

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!