quinta-feira, 31 de julho de 2014

Sai fumo da chaminé da Fábrica da Baleia

De vez em quando aparece um fumo e cheiro diferentes no Cais do Pico. Até que de repente surge uma foto reveladora: voltou a sair fumo da chaminé da Fábrica da Baleia, será miragem?


Não se ouviu foguete como antigamente mas corre-se na mesma para fora da Fábrica da Baleia, afim de tentar perceber o que se passa. Está lá o sol, estão reunidos os ingredientes para a miragem...


Tapa-se o sol para ver melhor...


E foi falso alarme: a Fábrica está com as suas portas fechadas e o fumo não vem dela. Então de onde vem? Pergunta-se ao baleeiro que vigia a baía do Cais do Pico, noite e dia sem parar, e este até descansa um pouco e tira o arpão de uma mão para dar a resposta:


"É fumo e cheiro do navio Express Santorini! Antigamente diziam que o cheiro da Fábrica da Baleia era desagradável, mas era sinal de dinheiro e desenvolvimento" revela o baleeiro...


... e continua "Hoje em dia o Santorini deixa cá no Cais do Pico o fumo e o cheiro, mas o dinheiro e o desenvolvimento parecem estar a ir embora, tal como o navio!"


Haja saúde!

3 comentários:

  1. A imaginação fértil dum jovem universitário, amante da sua terra, que ao menos vai
    animando estas gentes tristes, que teimam em ficar.
    Pela minha parte, só agradeço tudo o que este blog me tem oferecido.
    Quem está longe deve sentir o que estou referindo. Julgo eu.
    Para o Dr. Ivo, um forte abraço com votos de continuidade, a BEM DE TODOS NÓS.
    António Manuel Ávila

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado pelas suas palavras!
      Um abraço

      Eliminar

Para evitar perder a ideia do comentário, sugere-se que escreva primeiro o mesmo num editor de texto e depois copie para aqui; assim, se ocorrer algum erro (por vezes não funciona à primeira), tem sempre cópia do seu texto.

Muito obrigado por comentar neste blog! Haja saúde!